Casa em Ílhavo

Ver marca usada neste projeto
O terreno, com pouca profundidade, estende-se vagarosamente ao longo da rua, quase até desaparecer na curva. 
 
O exercício estava em acomodar a exigente área de implantação e enfrentar a escassa profundidade que impõe a rua e os vizinhos, numa proximidade nem sempre fácil de gerir, sem nunca se abdicar dos espaços exteriores. 
 
E, assim, a casa encosta-se à empena vizinha a poente e desenvolve-se para o lado nascente, com forma regular, ocupando o terreno dentro dos máximos legais. A forma regular da casa desmaterializa-se, acompanhando o fecho do terreno, recuando progressivamente sobre a rua, até ao volume anexo (quase um ponto final), o que confere um dinamismo, acentuado pela opção dos dois pisos na zona central. 
  • Localização
    Ílhavo, Aveiro
  • Projeto
    M2.senos_arquitetos
  • Fotografia
    Ivo Tavares Studio
  • Ano
    2021
  • Construtora
    Licínio Martins Lourenço, Lda.
  • Engenharia
    Eng.º Amadeu Carvalho
  • Paisagismo
    Arq.º Paulo Palma

O espaço

Para contrariar a proximidade à rua e aos vizinhos, todos os compartimentos afastam-se da fachada, de forma a criar "pátios” protegidos, mais intimistas, que se traduzem numa relação ambígua na dicotomia exterior-interior, reforçada pela existência das portadas. Desta forma, criam-se ecossistemas seccionados que apagam qualquer memória da vida lá fora. 

A organização interior é bastante racional. No encosto situa-se a garagem, com comunicação transversal no terreno e que permite o acesso interior através de um primeiro corpo dedicado a serviços (lavandaria e área técnica). A entrada faz-se ao centro da casa, protegida da rua através do prolongamento de muros. A zona privada dos quartos tem autonomia total dos espaços sociais. A sala e a cozinha relacionam-se entre si, embora constituam espaços independentes, com relações diferenciadas com o exterior. No piso superior surgem os programas complementares, o ginásio e o escritório, que se prolongam para as varandas.
Arq.º Ricardo Senos e Arq.ª Sofia Senos
No exterior privilegiam-se os materiais naturais, como o granito ou a madeira nas portadas, mas são as enormes lajetas de betão e o acabamento de todas as fachadas em pasta betuminosa de cor creme que trazem um equilíbrio visual, uma presença sóbria na rua.
Arq.º Ricardo Senos e Arq.ª Sofia Senos

O perímetro

No exterior privilegiam-se os materiais naturais, como o granito ou a madeira nas portadas, mas são as enormes lajetas de betão e o acabamento de todas as fachadas em pasta betuminosa de cor creme que trazem um equilíbrio visual, uma presença sóbria na rua. 

Marca usada

A Lunawood é uma empresa pioneira e inovadora na modificação térmica da madeira e tornou-se líder de mercado de Thermowood. 

A madeira modificada Thermowood é obtida por tratamento térmico, com recurso à ação do calor e humidade sem adição de produtos químicos - 100% ecológica. O processo  respeita as propriedades naturais da madeira e baseia-se na modificação térmica gradual, em que as propriedades químicas e físicas da madeira sofrem alterações permanentes. 




Ver todos produtos desta marca
Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba mais

Compreendi